叢林清溪

No. 29
Ó Virgem Formosa
Ó Virgem Formosa
Ó Virgem Formosa, ó pura cecém,
do paraíso infindo esplendor,
ó volvei teus olhos lá do Edem,
para este vale de dor,
em minha angústia triste sozinho,
em vão procuro alívio em alguém,
mostrai-me agora o vosso carinho,
mostrai que sois minha terna mãe.

*溫馨提示:聖樂播放後會自動跳至下一首